Comunicação

IMPRENSA E NOTÍCIAS

Ibá Digital - Edição 131

Ibá Digital - Edição 131

Tecnologia e ciência nas mãos dos consumidores

Inovação em produtos tem sido uma obsessão do setor de árvores cultivadas. A indústria investe para oferecer soluções que facilitem o dia a dia dos consumidores e tornem itens essenciais mais verdes. Neste primeira edição do Ibá Digital de 2021 serão abordadas iniciativas de associadas da Ibá que demonstram como as empresas têm evoluído de olho em proporcionar a melhor experiência ao seu público ao mesmo tempo em que oferecem soluções que ajudam no combate às mudanças climáticas, com produtos com origem renovável e reciclável. Cuide-se e boa leitura.
Bracell

Celulose solúvel: inovação presente em produtos do nosso dia a dia

A celulose solúvel tem como aplicação uma ampla gama de produtos em decorrência do seu alto teor de pureza. Seus derivados são utilizados em diversos produtos que consumimos no nosso dia a dia. É muito provável que você já tenha tocado, visto, ou consumido algum produto que utiliza matéria-prima que a Bracell produz só no dia de hoje. Encontramos celulose solúvel no molho de tomate, cápsula de remédio, creme dental, sorvete, máscaras cirúrgicas, armações de óculos, esponja de prato, viscose, além de diversos outros produtos.

Nos rótulos está descrita entre os ingredientes denominada goma de celulose (ou cellulose gum). No caso do creme dental, por exemplo, a substância compõe apenas cerca de 1% do volume do produto, mas é essencial para dar certa consistência que faz com que, quando apertamos o tubo, saia de dentro dele apenas o volume de produto correspondente à pressão que exercemos com os dedos no recipiente. Pela mesma razão, a celulose solúvel é utilizada também em pomadas medicamentosas e cremes cosméticos. Outro exemplo de aplicação é na produção de viscose, tecido amplamente utilizado na indústria têxtil.
Duratex
Madeira lança tecnologia antiviral e antibacteriana

Orientada para oferecer aos seus clientes soluções para melhor viver, a Duratex Madeira passa a oferecer painéis de madeira revestidos (MDF e MDP) e pisos laminados com proteção antiviral e antibacteriana. A inovação acontece em um momento histórico muito importante e, com certeza, sem precedentes na história mundial recente.

Com uso de um aditivo desenvolvido por uma empresa especializada em nanotecnologia, que produz e cria soluções com materiais inteligentes, a Duratex desenvolveu um projeto para identificar uma solução, por meio da adição de íons de prata, que potencializa o efeito antiviral.
 

O produto foi testado e aprovado em laboratórios externos independentes, seguindo recomendações da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), metodologias ISO21702 (Measurement of antiviral activity on plastics and other non-porous surfaces) e EN14476 (Chemical disinfectants and antiseptics - Quantitative suspension test for the evaluation of virucidal activity in the medical area), com 99% de inativação viral já no primeiro minuto e atingindo 99,9% em poucos minutos. As pesquisas continuam para maior aprofundamento no tema e verificação de resultados.

Atualmente, a Duratex oferece em seu portfólio mais de 100 padrões de painéis revestidos (MDF e MDP) que proporcionam beleza e sofisticação ao mobiliário, além de 10 linhas e mais de 50 padrões de pisos laminados Durafloor. Todos os produtos são produzidos com a exclusiva tecnologia antibacteriana Protekto e passarão a ter a extensão antiviral. Essa proteção cria uma barreira que elimina o crescimento de microrganismos, não permitindo que se depositem nos produtos, mantendo a limpeza por mais tempo.

Para saber mais, acesse: www.duratexmadeira.com.br.
 
International Paper
Comitê de Inovação completa um ano

Inovação faz parte do DNA da International Paper há mais de 100 anos. Por isso, em 2020, a empresa criou o Comitê de Inovação com foco em três principais pilares: produto, serviços e digital. Com essa iniciativa, a IP conseguiu direcionar de forma estrutural seus esforços na busca por soluções que agreguem valor aos clientes.

Durante a pandemia, o comitê trouxe novidades que permitiram ao consumidor utilizar o papel em diversas formas, como é o caso das novas gramaturas de Chamequinho, 120g/m² e 180g/m², papéis mais encorpados indicados para fazer dobraduras, recorte e colagem, trabalhos manuais e escolares, lettering e muito mais.

Seguindo nesta linha, Chamex lançou o pacote A4, 75g/m², branco com 300 folhas, sendo uma opção intermediária entre o tradicional Chamex, de 500 folhas e o Chamequinho, com 100. Além disso, a nova caixa vem com cinco pacotes, ocupando menos espaço no depósito de pequenos varejistas e papelaria, e permite que seja acomodada e transportada no baú das motocicletas.
Klabin
Companhia utiliza tecnologia para o desenvolvimento de produtos sustentáveis
 
Com um time de pesquisadores em seu Centro de Tecnologia, em Telêmaco Borba, Paraná, a Klabin não mede esforços para desenvolver cada vez mais soluções a partir de fontes renováveis e recicláveis, participando ativamente da construção de um futuro sustentável. A inovação faz parte do DNA da companhia e está presente em toda a sua história, sendo um direcionador importante para a evolução de seus negócios.
 
Há cerca de dois anos, a Klabin lançou uma linha de papelcartão voltada ao mercado de copos, o KlaCup, produzido com fibras de pinus e eucalipto, que garantem maior resistência e qualidade de impressão. O produto também está disponível em com um dos lados marrom (kraft), que atende a uma demanda crescente por produtos mais sustentáveis. A aplicação de barreira permite que o produto seja utilizado para diversas finalidades, incluindo o contato direto com alimentos quentes ou frios. Na mesma linha, a empresa também já possui em seu portfólio o papel para canudos.
 
A Klabin tem intensificado as pesquisas com o objetivo de agregar novas características aos diferentes tipos de papel e avançar em aplicações cada vez mais sustentáveis aos produtos já existentes. Recentemente, junto com a Votorantim, a companhia lançou a embalagem hidrodispersível, feita com papel 100% dispersível, o que significa que o saco pode ser integrado ao processo no momento da preparação do concreto, agilizando a produção com o uso direto na betoneira de eixo horizontal e contribuindo para reduzir a geração de resíduos.
 
Já em parceria com a Gualapack, a Klabin desenvolveu, no ano passado, uma embalagem pouch exclusiva para armazenamento e transporte do álcool em gel. Feita com Sack Kraft Plano e laminação como barreira, a embalagem mantém as propriedades do produto. O papel, que sai de fábrica com a laminação aplicada, já está sendo comercializado e cria uma nova frente de aplicação em substituição às embalagens rígidas. O pouch foi inicialmente utilizado para o armazenamento e transporte do álcool em gel desenvolvido pela Klabin, a partir da celulose microfibrilada (MFC), em conjunto com o Senai e a indústria de cosméticos Apoteka. 
 
Suzano
Empresa expande portfólio de produtos renováveis

O conceito da inovabilidade, ou seja, a inovação em prol da sustentabilidade, está presente no dia a dia da Suzano, principalmente quando se fala em desenvolvimento de produtos de qualidade. A gama de produtos da companhia, feitos a partir de matéria-prima de origem renovável, reciclável e biodegradável, vai desde papéis de imprimir e escrever, canudos e copos de papel, até o desenvolvimento de nanocelulose para aplicação na indústria têxtil.

Em 2020, um dos produtos da companhia de conhecimento do consumidor final, a linha de papéis Report®, ganhou uma reformulação após oito anos com a mesma identidade visual. A nova linha premium surgiu acompanhada de uma embalagem com design mais moderno, clean e que prioriza a performance e a sustentabilidade do produto. O novo envoltório também proporcionou uma identidade visual única para todos os produtos da linha, facilitando ao consumidor a identificação do papel por gramatura e formato.

Ainda no último ano, pioneira na produção nacional de papel para canudo, a companhia contribuiu para a substituição de canudos de plástico por canudos de papel em uma linha de sucos dedicada ao público infantil. Os canudos foram feitos com o papel Loop®, produto já utilizado nas principais redes de fast-food do Brasil.

É também por meio de parcerias que a Suzano consegue impulsionar ainda mais o seu negócio e encontrar novos meios de aplicação de produtos. Exemplo disso é o caso da startup finlandesa Spinnova, da qual a companhia é sócia, que possibilitou o desenvolvimento de uma tecnologia para transformar nanocelulose, material resistente e leve, em fios têxteis.
 
Veracel
Inovação em melhorias genéticas e processos logísticos

O programa de melhoramento genético da Veracel Celulose trabalha com mais de 1,5 mil clones de eucalipto, em uma ação permanente que tem o objetivo de aprimorar cada vez mais a qualidade das árvores cultivadas. Dentro desta área de melhoramento genético, a empresa possui um projeto que, usando tecnologia e modelos estatísticos, reduzirá o tempo necessário para a seleção de clones. Em 2021, a Veracel vai multiplicar por cinco sua produção de novos clones, passando de uma média 300 novos clones desenvolvidos para uma média 1,5 mil.
Outra iniciativa da área de melhoramento genético é um projeto com eucaliptos do gênero Corymbia ? popularmente conhecido pelo cheiro cítrico de suas folhas. Esse gênero não é normalmente utilizado para a produção de celulose, mas, como tem algumas características bastante interessantes, como sua resistência à seca e a doenças e também sua grande adaptabilidade a diferentes climas, o objetivo desse trabalho é selecionar materiais genéticos interessantes do Corymbia que poderão ser aplicados à produção florestal do eucalipto usado para a fabricação de celulose.

Em processos logísticos, no ano de 2020, a Veracel Celulose promoveu inovações importantes em sua área de logística, como a automatização dos processos de recepção de insumos e de envio de produtos acabados para o porto Terminal Marítimo de Belmonte ? de onde  os produtos são enviados, por barcaça, para o Porto de Aracruz (Portocel). Também foi implementado um sistema de monitoramento via satélite, realizado pela empresa Creare ? o procedimento é feito no transporte da celulose.
 
Westrock
Com inovação em soluções em embalagens, companhia conquista 7 prêmios do setor em 2020

Em 2020, a WestRock foi reconhecida em muitas premiações de papel e embalagens de papelão ondulado. Entre elas, estão duas importantes conquistas do setor de embalagem, 'Prêmio Abre de Embalagem, organizado pela Associação Brasileira de Embalagens (ABRE), e 'Prêmio Grandes Cases de Embalagem', promovido pela revista Embalagem e Marca.

A embalagem para Ovos Mantiqueira também teve seu espaço e recebeu Bronze na categoria Funcionalidade e foi destaque no Prêmio Grandes Cases de Embalagem - ao adotar 2 dos 5Rs® de Sustentabilidade WestRock - Repensar e Reutilizar. A inovação aparece na transformação da caixa em um brinquedo lúdico e criativo - a embalagem, impressa por meio da tecnologia exclusiva HyGraphics® WestRock - a mais moderna tecnologia de impressão flexográfica pré-print do mundo, vira 'casinha' para que crianças das comunidades possam soltar a imaginação e assim vivenciar momentos mais leves, especialmente em tempos tão difíceis.

Outra conquista da empresa foi a embalagem desenvolvida para a Cerveja Wäls e o 'Copo Lagoinha', da Ambev, que recebeu a premiação máxima, Ouro, na categoria tecnologia. Além de contar com a alta qualidade de impressão HyGraphics®, a solução possui uma identidade visual disruptiva, com uma obra de arte criada pelo artista Saulo Pico, e possui maior resistência por gramatura. Mais destaque no ponto de venda contribui diretamente para o aumento nas vendas do cliente.
 

Inovação em design e sustentabilidade

A Shelf Ready Packaging (embalagem pronta para prateleira), para o Biscoito Oreo da Mondelez - trouxe mais visibilidade, organização e acondicionamento do produto no ponto de venda. A embalagem ainda reduziu a quantidade de matéria-prima e insumos como água, eletricidade, CO2 e geração de resíduos, entregando uma solução altamente sustentável. A Shelf Ready Packaging para o FastBurger, da BovMeat, pensada especialmente para hipermercados e atacados, foi desenvolvida com novo design, aliado à impressão com alta qualidade fotográfica. Montagem manual em formato de bandeja para melhor exposição no ponto de venda e eliminação do plástico, são algumas das soluções WestRock para a embalagem de prateleira da Batata Pringles, da Kellogg`s.

Para a marca Olympikus, a empresa desenvolveu uma nova embalagem para os calçados esportivos, com redução de 20% de área total da embalagem e em 80% os refiles no processo de produção, trazendo também ganhos significativos ao reduzir o uso de insumos como água, energia, emissão de CO2, geração de resíduos.
 
 

O futuro está nas árvores cultivadas!

Vem aí o primeiro grande evento do setor de árvores cultivadas. No dia 24/02, a partir das 14h, o setor será foco de um debate virtual organizado pelo Valor Econômico. O presidente da Ibá, Paulo Hartung, estará ao lado de Francisco Razzolini, diretor de Tecnologia Industrial, Inovação, Sustentabilidade e Projetos da Klabin, e Fernando Bertolucci, diretor executivo de Tecnologia e Inovação da Suzano. Os executivos estarão acompanhados de Pedro Doria na mediação.

Durante o evento, os representantes do setor debaterão sobre inovação e sustentabilidade. O objetivo é levar até o grande público todo o trabalho que a indústria vem desenvolvendo para criar alternativas mais sustentáveis e adequadas para o dia a dia de todos, como celulose solúvel, nanocelulose e lignina, potenciais substitutas de matérias-primas de origem fóssil.
Inscreva-se aqui

Processo de Modernização de Equipamentos na BO Paper beneficiará os clientes

O lema Transformar para Crescer continua sendo o guia da BO Paper para o ano de 2021. Neste ano, a companhia busca fortalecer cada vez mais a relação cliente-fornecedor, oferecer amplo portfólio e atendimento diferenciado, bem como garantir excelência na qualidade dos nossos produtos.

Em 2021, a companhia antecipará um importante ciclo de investimentos, a fim de modernizar unidades industriais em duas unidades.

Na unidade BO Paper Arapoti será instalado um novo sistema de aplicação de revestimento na máquina de papel, que possibilitará a aplicação de diversos revestimentos sobre a superfície do papel base. Isto trará uma flexibilidade única para essa fábrica, fortalecendo e ampliando o portfólio de produtos. Já na unidade BO Paper Pisa será iniciada a modernização da área de acabamento e expedição da empresa, com foco em otimizar o atendimento aos nossos clientes.
 
Nescau lança campanha para marcar sua mudança dos canudos de plástico para o de papel

A Nestlé está lançando uma nova campanha para anunciar que agora as bebidas da Nescau em caixinha vem com canudos de papel e conscientizar sobre o uso de canudos plásticos.

Criado pela Ogilvy, o comercial estreou no intervalo do Fantástico e mostra os efeitos que os canudinhos tem no meio ambiente. O vídeo é um timelapse de 20 anos mostrando o quanto uma pessoa pode mudar neste período de tempo e quanto um canudo não muda absolutamente nada com o passar do anos.

Os comerciais integram a campanha #Joga Junto que  reforça o quanto o cenário de mudança é uma constante na vida das pessoas, ao mesmo tempo em que cabe a cada um a escolha de fazer a  diferença no mundo. Para assistir o vídeo da campanha, acesse: https://youtu.be/qfKqafwoGds
 

Two Sides: 710 empresas removeram declarações enganosas anti-papel

Globalmente, em 2020, Two Sides abordou 320 organizações que faziam declarações enganosas sobre o papel. Até agora, 134 delas removeram essas mensagens de suas comunicações e Two Sides continua a abordar as demais. As organizações estavam em toda a Europa, América do Norte e do Sul, África do Sul, Austrália e Nova Zelândia. Isso eleva o total para 710 empresas que removeram declarações enganosas de greenwashing desde o início da campanha, em 2010.

Em 2020, na Europa, 106 empresas removeram argumentos infundados sobre papel, incluindo EDF energy, Eon, Marks and Spencer, Sparkasse, Volksbank-Raiffeisenbank, BHV / Le Marais e SNCF. No Brasil foram abordadas 53 empresas, das quais 22 já mudaram suas mensagens.

Two Sides continua a abordar ativamente as principais organizações que estão enganando os consumidores ao usar declarações ambientais infundadas sobre o uso de papel.
 
 
Acompanhe-nos nas redes sociais!
 
 


 

 

Não deseja mais receber nossas mensagens? Acesse este link.