ibá

Setor florestal busca recuperação de 15 milhões de hectares da Mata Atlântica

Criado: 11 setembro 2015

Vídeo inédito produzido pelo WWF, Ibá e NGP é lançado no XIV Congresso Mundial Florestal (WFC), que ocorre em Durban, na África do Sul 

Trabalho conjunto de agricultores e ambientalistas, aliado a investimentos da indústria já permitiram a recuperação de 40 mil hectares da mata; o objetivo é recuperar 15 milhões de ha até 2050 

A união de forças entre comunidades, ambientalistas e empresas tem permitido a recuperação da Mata Atlântica, que abriga 20 mil espécies de plantas nativas e 270 espécies de animais mamíferos. Este importante trabalho está representado no vídeo produzido pelo WWF – World Wide Fund for Nature –, em parceria com a Indústria Brasileira de Árvores (Ibá) e o NGP (New Generation Plantations). O lançamento acontece esta semana durante o XIV Congresso Mundial Florestal (WFC), que ocorre em Durban, África do Sul. 

Vídeo

A Mata Atlântica é uma das maiores florestas tropicais da América do Sul e destaque no mundo pelo grande número de diversidade de espécies. Porém, este bioma também ganhou destaque pelo tamanho do desmatamento que sofreu ao longo da história brasileira, chegando a ter apenas 7% de sua cobertura original em 1990. 

“Recuperamos a Mata Atlântica, ao mesmo tempo em que plantamos árvores para produtos de base florestal. Nos chamados mosaicos, as florestas naturais e plantadas se interligam e garantem a manutenção e a preservação da biodiversidade da região”, explica a presidente da Ibá, Elizabeth de Carvalhaes. 

Pequenos produtores recebem assistência técnica, suporte para a regularização da propriedade e a constituição das áreas de preservação permanente e reserva legal, mudas de árvores e, ao final do ciclo, podem vender a madeira para as empresas, ou para o mercado.  “A associação com os pequenos produtores também traz benefícios econômicos aos municípios, chegada de escolas e assistência à saúde. Há um desenvolvimento social muito além do negócio”, completa Elizabeth. 

No vídeo é possível conhecer exemplos de parcerias, como a integração entre florestas plantadas e apicultores, que puderam instalar as colmeias artificias entre as árvores plantadas de maneira a não agredir o meio ambiente.   

A tecnologia aliada ao clima favorável e as condições do solo no país também representam um capítulo importante nessa história. As plantações de crescimento rápido nos lugares certos ajudam a atender a crescente demanda por produtos feitos a partir da madeira, e a atender também a crescente necessidade de restauração de florestas naturais. 

Considerando que, em 2050, o mundo terá nove bilhões de habitantes e a demanda por madeira deverá triplicar, é necessário plantar mais e de maneira eficiente. Para isso, integrar e recuperar áreas de florestas nativas será, cada vez mais, essencial. 

SOBRE A IBÁ

A Indústria Brasileira de Árvores (Ibá) é a associação responsável pela representação institucional da cadeia produtiva de árvores plantadas, do campo à indústria, junto a seus principais públicos de interesse. Lançada em abril de 2014, representa 61 empresas e nove entidades estaduais de produtos originários do cultivo de árvores plantadas - painéis de madeira, pisos laminados, celulose, papel, florestas energéticas e biomassa, além dos produtores independentes de árvores plantadas e investidores institucionais. Saiba mais em www.iba.org.

«Veja todas as notícias